Parceria DEI e Câmara Municipal de Tondela

Um grupo de estudantes do Departamento de Engenharia Informática da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto encontra-se a desenvolver uma aplicação móvel que pretende ajudar a identificar proprietários de terrenos a necessitar de limpeza. Este projeto, intitulado “Floresta Segura”, está a ser desenvolvido numa parceria com a Câmara Municipal de Tondela de forma a prevenir incêndios florestais, nesta área extremamente afetada em outubro do ano passado.

Depois de uma visita inicial, em fevereiro de 2018, do Departamento de Engenharia Informática, liderada pelo seu diretor João Cardoso e algumas conversas posteriores com o Município de Tondela, foi definido que o software e aplicações serão desenvolvidos no âmbito da unidade curricular de Laboratório de Gestão de Projetos (LGP). Uma equipa de alunos, que entretanto criou a empresa fictícia APPly, está a trabalhar em conjunto com o Grupo de Intervenção Prevenção e Socorro (GIPS) da GNR e com outros agentes locais com o intuito de desenvolver um protótipo funcional na criação de um cadastro florestal que possa identificar a quem pertence cada território, assim como o estado de limpeza e conservação, e recolher informação relevante que ajudem a prevenir incêndios futuros. Pretende também  promover uma cidadania mais ativa ao permitir que os cidadãos contribuam com dados e denúncia de problemas na aplicação.

O projeto está a ser orientado pelo professor Ademar Aguiar, especializado em Engenharia de Software, e integra estudantes de Engenharia Informática e Computação, Multimédia, Engenharia de Serviços e Gestão da FEUP, assim como estudantes de Design de Comunicação da Faculdade de Belas Artes (FBAUP).

Posted in Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *